PT
ENG
Zao Wou-Ki
APRESENTAÇÃO PDF
Zao Wou-Ki

A Fundação Arpad Szenes-Vieira da Silva acolhe, uma vez mais, a obra de um amigo do casal que representa. Zao Wou-Ki foi um grande amigo de Vieira da Silva e de Arpad Szenes. É igualmente um dos mais importantes pintores da denominada Segunda Escola de Paris, com obra representada em todo o mundo e, curiosamente, presente em muitas colecções portuguesas. É essa obra internacional e, em particular, parte da que se encontra em Portugal,  que se pode visitar no museu entre 24 de Junho e 26 de Setembro de 2010.
Conhecido pela obra mural da estação de metro da Gare do Oriente (1998), um gigantesco painel de azulejo com motivos vegetalistas e aquáticos, Zao Wou-Ki viu anteriormente a sua pintura homenageada em Portugal numa marcante exposição que teve lugar na Galeria Diprove, em Lisboa e no Porto, em 1974, e numa restrospectiva organizada pela Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, em 1992. Passados quase 20 anos é tempo de rever a obra deste artista, chinês de origem e francês por opção, à semelhança de muitos outros, entre eles Vieira e Arpad que, tendo perdido a nacionalidade, foram acolhidos pelo país que os reconheceu como cidadãos e artistas.
Zao Wou-Ki vivia no bairro de Vieira e de Szenes, em Paris, e partilhou com estes amigos de longa data espaço expositivo na Galerie Pierre, de Pierre Loeb. Em encontros assíduos trocaram confidências, pontos de vista e obras. Foi também pela mão de um amigo de Vieira da Silva que Zao Wou-Ki chegou a Portugal: outro pintor português a viver em Paris, Manuel Cargaleiro, veio a ser responsável pelo convite da decoração da estação de metro.
Nesta pequena retrospectiva – que se pretende significativa e representativa de um núcleo artístico vastíssimo produzido ao longo de cerca de 60 anos – estão representadas obras da colecção do autor, de vários particulares franceses e portugueses e de instituições como o Metropolitano de Lisboa, o Millennium bcp e a Fundação Calouste Gulbenkian.
Comissariada por Françoise Marquet, casada com o pintor e grande divulgadora da sua obra, e por Yann Hendgen, assistente de Zao Wou-Ki e investigador, a exposição reúne 31 obras de pintura e desenho, gravuras de edições especiais e ainda 4 obras de Arpad Szenes e Vieira da Silva, da colecção de Zao Wou-Ki e Françoise Marquet.

VOLTAR
© Copyright FASVS 2010 | Design by MOZO