PT
ENG
Max Ernst. Esculturas
Max Ernst. Esculturas
Max Ernst (1891-1976) é sobretudo recordado como pintor. E foi na pintura que melhor exprimiu a sua grande contribuição inovadora da linguagem artística. Mas a verdade é que o seu interesse pela linguagem plástica atravessa toda a sua obra:
 
“Sempre que na pintura se me depara um caminho sem saída – o que me acontece com frequência – surge-me a escultura como uma fuga, dado que se aproxima mais de um jogo do que a pintura. A escultura faz-se a duas mãos, como quem faz amor. Por isso é como partir de férias, para só mais tarde retomar a pintura”, Max Ernst.

As 62 esculturas expostas pertencem ao Capricorn Trust, Nova Iorque, criado por Dorothea Tanning bem como a colecções particulares. A exposição insere-se no ciclo Amigos de Arpad e Vieira: em 1931 Arpad e Max Ernst cruzaram-se pela primeira vez quando foram alunos de Hayter no Atelier 17, em Paris.
VOLTAR
© Copyright FASVS 2010 | Design by MOZO