PT
ENG
MANUEL CASIMIRO. PINTAR A IDEIA
APRESENTAÇÃO PDF
MANUEL CASIMIRO. PINTAR A IDEIA

MANUEL-CASIMIRO: PINTAR A IDEIA
de ISABEL LOPES GOMES

No dia 15 de Fevereiro (18h) estreia em Lisboa no Museu Arpad Szenes-Vieira da Silva, o filme sobre a obra de Manuel Casimiro, que teve a ante-estreia no Museu de Serralves no passado mês de Dezembro.

O filme foi premiado na última edição do Festival Caminhos do Cinema Português, com a Menção Honrosa e a seguinte observação do Júri: 
“um filme de trabalho, generoso, em que o objetivo torna-se ele próprio num gesto artístico."

Uma viagem pela obra do artista plástico Manuel Casimiro é o que se propõe neste documentário “Manuel-Casimiro: Pintar a ideia”.

Ao longo de 85 minutos  e através das imagens da obra que realizou ao longo de meio século, acompanhadas dos testemunhos do próprio artista e de reconhecidos filósofos, escritores e historiadores  de arte como Jean-François Lyotard, Michel Butor, Vincent Descombes, Bernardo Pinto de Almeida, entre outros, propõe-se um olhar profundo que revele ao espectador o essencial de uma obra que foi construída coerentemente ao longo das últimas décadas, sendo inegável o seu lugar na História da Arte Portuguesa dos últimos 50 anos.
Em 1996 a Fundação de Serralves e o curador Jean-Hubert Martin dedicaram-lhe a sua primeira retrospectiva e ainda que tenha exposto nos últimos anos em importantes museus a nível nacional e internacional, a sua obra é ainda desconhecida de muitos portugueses.
Uma vez que a imagem filmada permite entrar facilmente nos detalhes de uma obra, e chamar a atenção do espectador para outros aspectos de uma obra de arte, numa abordagem enriquecida pelos depoimentos de especialistas, este documentário - o único até ao momento dedicado exclusivamente ao artista - permite assim que a sua obra seja conhecida por um público mais alargado.
De salientar ainda que o realizador Manoel de Oliveira no seu filme de 1983: “Nice - À propos de Jean Vigo” havia registado alguns momentos do trabalho artístico de Manuel Casimiro realizado em Nice entre os anos 70 e 80, tendo sido resgatados alguns desses momentos para o presente documentário.
A voz-off é do ator Luís Miguel Cintra.
VOLTAR
© Copyright FASVS 2010 | Design by MOZO