PT
ENG
Vieira da Silva: Kô et Kô e outras histórias
Galeria piso 0
18 Janeiro 2001 - 14 Abril 2001
Vieira da Silva: Kô et Kô e outras histórias
Vieira da Silva foi autora de uma série de ilustrações para crianças que constituem uma surpresa no conjunto da sua obra. Esta exposição pretendeu mostrar esta faceta praticamente desconhecida da sua produção artística, reunindo vários e diferentes conjuntos de ilustrações.
Em 1931 Vieira da Silva oferece a Violante Canto da Maya (então com oito anos) o livro da Condessa de Ségur Les malheurs de Sophie (Os desastres de Sofia) substituindo as ilustrações de A. Pécoud por imagens por si criadas, recortadas e coladas na edição original, retomando o hábito que tinha em criança de cobrir a aguarela as gravuras que ilustravam os livros. Numa surpreendente abordagem do imaginário infantil, Vieira da Silva ensaia e redefine nestas ilustrações o seu trabalho de pintora.
Kô et Kô, les deux esquimaux, é o título de uma história para crianças inventada por Vieira da Silva em 1933. Não se sentindo capaz de a escrever, a pintora entrega essa tarefa ao seu amigo Pierre Guéguen e assume o papel de ilustradora executando uma série de guaches. A galerista Jeanne Bucher edita o livro com uma tiragem de 300 exemplares (texto litografado de Pierre Guéguen e 14 páginas de ilustrações realizadas a pochoir pela casa Beaufumé), e a propósito do lançamento do livro, organiza a primeira exposição individual de Vieira da Silva em Paris apresentando os guaches originais de Kô et Kô e uma série de estudos preparatórios. Algumas destas obras serão também exibidas em Lisboa em 1935, na Galeria UP, por António Pedro .
VOLTAR
© Copyright FASVS 2010 | Design by MOZO