PT
ENG
Linha Amarela | Cultura
Linha Amarela | Cultura

O Dia Internacional dos Museus tem este ano como tema “Museus: coleções criam conexões”.

Aceitando este desafio proposto pelo ICOM - International Council of Museums, um conjunto de dez museus de Lisboa resolveu unir-se em rede usando como mote o que os aproxima: um património muito rico, a vontade de servir os seus visitantes e… a Linha Amarela do Metropolitano!

Juntaram-se assim museus desde o Jardim das Amoreiras, ao Rato até ao Parque do Monteiro Mor, no Lumiar, passando pelo Marquês de Pombal, Picoas, Entre Campos e Campo Grande, todos eles detentores de colecções muito diferentes entre si, mas todas com um enorme valor, histórico, artístico ou científico. (veja o percurso aqui).

E, para mostrar que no património estas classificações são, muitas vezes, artificiais e que o que une os museus é mais importante do que o que os separa, cada museu escolheu uma peça com um tema comum: a cor amarela, claro!

Assim, no fim de semana de 17 e 18 de Maio, a Linha Amarela proporciona um passeio pelos mundos da arte, da moda, do humor, da ciência ou do desporto, onde pode descobrir o que têm em comum uma borboleta do bicho da seda com um vestido dos anos 60, Joaquim Agostinho com Bordalo Pinheiro, ou  Arpad Szenes com o Auto da Alma, Noronha da Costa com um colete amarelo de Delacroix ou uma terrina chinesa com uma floreira lisboeta.

Lembramos que nestes dois dias os museus têm entradas gratuitas e esperam a sua visita!

 

Museu Arpad Szenes – Vieira da Silva | Museu Nacional de História Natural e da Ciência |

Casa Museu Medeiros e Almeida | Casa Museu Dr Anastácio Gonçalves | Galeria 111 |

Museu da Cidade (CML) | Museu Bordalo Pinheiro (CML) | Museu Mundo Sporting |

Museu Nacional do Traje | Museu Nacional do Teatro

VOLTAR
© Copyright FASVS 2010 | Design by MOZO